6 inovações das mídias sociais que revolucionaram as Relações Públicas (e como você pode melhor aproveitá-las)


O profissional de Social media é gerenciador dos relacionamentos digitais, ele conversa nas plataformas com seus públicos. É estratégico, impulsiona e evidencia positivamente as marcas, seus conceitos e suas novidades.


Cada vez mais as organizações precisam trocar ideia com seus clientes, já que com a crescente utilização das mídias sociais, os consumidores estão cada vez mais exigentes e participativos na internet. Não buscam apenas um produto ou serviço, querem um conceito e procuram identificação, além do produto ofertado ou do serviço prestado. Isso faz com que o profissional de Social media tenha uma importância ainda maior. Cada um tem seu jeito e personalidade, mas todos precisam ir ao encontro da identidade da marca, trabalhando a comunicação de maneira continua.

Para trabalhar nessa área, você precisa ter leitura de jogo. Ela é repleta de variáveis e perspectivas, e por isso o planejamento é fundamental. O profissional precisa estar sempre atento, realizando monitoramento e estabelecendo relacionamento através de respostas rápidas.

A mídia social modificou as Relações Públicas de maneira significante. Talvez você esteja envolvido com RP tempo o suficiente para lembrar como era o ramo na era pré-digital, ou talvez você tenha sido testemunha desta mudança incrível na maneira como as pessoas interagem e consomem conteúdo. Independente da sua experiência, a mídia social mudou o que você faz – e mudou para sempre.


“ Como podemos aproveitar as mídias sociais da melhor maneira para nossas estratégias de RP? “


1. Integração total
Hoje em dia, por exemplo, as pessoas não apenas assistem televisão. Elas assistem enquanto rodam seus feeds de notícias (a famosa segunda tela). A mídia social está mudando a forma como as pessoas consomem e interagem com a mídia. Esse comportamento deve ser levado em conta quando planejamos ações de RP: as duas formas de mídia – social e tradicional – não podem ser pensadas como entidades separadas.

“A mídia social não substitui a mídia tradicional... a combinação das duas é poderosa”.
– Amy Howell (autora de Women in Hegh Gear)

Como aproveitar isso da melhor maneira? Mantenha-se atualizado sobre as tecnologias e meça com frequência a eficácia da sua comunicação online e offline.


2. Co-criação
Postagens no facebook, tweets, vídeos no Youtube, reviews, comentários e etc são mensagens co-criadas, que pouco temos capacidade de controlar. A solução para o profissional de RP é interpor seu ponto de vista a esse processo.

“Estamos confiantes de que a co-criação estará no cerne da teoria do desenvolvimento na próxima década”.
- Carl H. Botan e Vincent Hazleton (autores de Public Relations Theory II)

Como aproveitar isso da melhor maneira? Use ferramentas sociais de forma proativa para ser acessível à sua audiência, e monitore as mensagens criadas pelos usuários.


3. Vigilância constante
A mídia social aumentou consideravelmente o poder do consumidor. Você não tem como saber quantas pessoas serão influenciadas por uma queixa no Facebook. Isso é um impulso para as empresas estabelecerem um alto padrão para seu produto/serviço.

“Profissionais de RP não podem mais simplesmente ‘jogar’ a informação para o público e esperar ter sucesso. Os consumidores não querem spam, eles querem ser comunicados de maneira rápida e pessoal”.
- Matthew Royce (Relações-públicas)

Como aproveitar isso da melhor maneira? Você precisa monitorar e responder comentários (sejam positivos ou negativos) de maneira responsável e o mais rápido possível.


4. Análise detalhada
Considere os parâmetros de análise de audiência que você pode usar no Facebook: comportamento, interesse, educação, conexões entre outros.

Antes da massiva adoção da mídia social, tais formas de mensuração nunca seriam possíveis na maneira como é agora. E a tendência é que fique cada vez mais preciso: isso permite uma maior sofisticação e eficiência nas campanhas de RP.

Como aproveitar isso da melhor maneira? Utilize ferramentas para analisar, segmentar e alavancar suas campanhas nas mídias sociais.


5. Manutenção de relacionamentos
Assim como a segmentação precisa, a mídia social também permite a análise de influenciadores de opinião. Um diferencial para uma comunicação eficaz é compreendê-los: suas headlines, seus interesses pessoais, profissionais, além de manter conversas informais.

Como aproveitar isso da melhor maneira? Use as mídias sociais para construir relacionamentos com jornalistas-chave (e também blogueiros influentes). Isso vai ajudar na percepção do que eles escrevem sobre, quando eles precisam de fontes, e como eles preferem trabalhar contigo.


6. Fontes de informação
Em 2006 havia 3 milhões de blogs na web. Em 2014, 1552 milhões. Em uma análise longitudinal dos meios de comunicação social e tradicional, um grupo de pesquisadores descobriu um declínio contínuo, ano após ano, da influência das fontes tradicionais de informação:

“A ascensão da importância da internet é clara: 71% das pessoas com idade entre 18-29 anos citam a internet como principal fonte de notícias”.

O papel das mídias sociais no surgimento dos blogs é importante como fonte de disseminação. Redes como LiveJournal e Triberr mostram o potencial de pequenos editores na distribuição de informação exclusivamente através dos canais sociais.

Como aproveitar isso da melhor maneira? Não negligencie blogueiros em seu planejamento de RP. Especialmente aqueles que possuem a mesma segmentação de público que você.




“Quanto mais o Social Media fala, mais se relaciona. Quanto mais se relaciona, maior é o número de pessoas que alcança.”

(Miriã Antunes, graduanda de Relaçõs Públicas e integrante do Fala Mais, RP!)




Fontes: Cision e PRSA 

Comentários